quinta-feira, 6 de novembro de 2008

Fonte Inspiradora

Rossana apaixonou-se pelo jeito de escrever daquele autor. Buscou na Internet cada texto que já havia sido publicado, cada comentário redigido, cada vírgula que saiu daquele teclado. Reconhecia de longe artigos que ele escrevia anonimamente e mantinha uma comunidade no Orkut, atualizando o mundo sobre toda a obra literária do rapaz. Mas tinha que reconhecer: ultimamente, ele tem produzido muito mais, mas a qualidade não era a mesma. Começava a se perguntar se seqüestrá-lo e mantê-lo preso em casa tinha sido uma boa idéia.

5 comentários:

Marcus Santiago disse...

Entendi, é uma auto crítica... muito bom...

Lili disse...

É Marcus... Até pode ser uma auto crítica do Rodrigo. Mas a mocinha do conto sou eu!!! Hehehehehe...
Essa é boa... Virei sequestradora!!!
Rossana Mativi.

Marcus Santiago disse...

Mas será que é tu a culpada pelos contos dele estarem tão ruins??? HAHAHA.... brincadeira... ele escreve muito bem...

Lili disse...

Não... Por favor, não diga uma coisa dessas!!! Sou a fã número um do Rodrigo e os contos deles são muito legais! Nem brinca!!!
Hahahahahaha...

Cristina disse...

Quando algo a interessa ela vai a fundo mesmo, até saber tudo.