quarta-feira, 20 de agosto de 2008

Saudade

Com 2 horas de atraso seu vôo finalmente aterrisa em solo brasileiro, um pouco depois do meio dia. O avião ainda taxiava na pista quando soltou o seu cinto e pegou a sua bagagem de mão. Há quanto tempo não sentia o seu calor em seus lábios, o seu sabor em sua boca... Quatro semanas fora e já não via a hora de tê-la novamente.

Alcançou o saguão do aeroporto e saiu em direção ao restaurante à sua procura.
Como das últimas vezes que retornara, ela se encontrava, disponível, pronta para matar a sua vontade!

- Tchê, me vê uma picanha no capricho!

2 comentários:

Marcus Santiago disse...

Tchê??? Feijoada??? Não combina...

Quem sabe uma picanha???

Carlinha Link disse...

heheheh
conticulo interativo
isso é mto porto-alegrense :)