domingo, 31 de agosto de 2008

Sentimentos animais

Amor é irresponsável. Chega quando você menos espera e bagunça toda a casa. Ele preenche todo espaço ao seu redor de alegria indescritível, e você não consegue ficar parado, tem que correr atrás dele. Mas ele pode ser traiçoeiro. De repente, ele pode virar as costas e se afastar por um bom tempo, mas você sabe que um dia ele deve voltar.
Dor é companheira fiel. Quando está triste, ela se aconchega do seu lado e parece não querer sair. Tão confortável que qualquer tentativa de se desvincilhar é respondida com garras e unhas, abrindo feridas cicatrizadas. Mas ela é independente. De repente, some de nossa vida e aparece de vez em quando, só nos espiando, de canto de olho.

Ótima escolha de nomes para um cão e uma gata.

6 comentários:

Guto L.F. disse...

Epetáculo!

Carlinha Link disse...

Miauuuuuuu

julia disse...

Oieee! Não conhecia teu blog! Afuddddêiz!

Marcus Santiago disse...

Uma verdadeira porcaria....


haha... brincadeira... 10!!!!

Vou ter um gato chamado amor e um cachorro chamado dor... ou vice-versa...

Marcus Santiago disse...

Ou seria visse-versa?

Tiago Ferrari disse...

vice-versa seria o nome do livro do Feijó.

Tá.
Só queria dar os parabéns.
Então:
parabéns, gostei da idéia e, especialmente, desse miniconto.

:)