quarta-feira, 18 de março de 2009

Vinganças Que Não Vingaram I

Arquitetou vingança sórdida contra seu pior desafeto: o prédio haveria de desabar e soterrá-lo sob toneladas e toneladas de concreto. A vingança, porém, não se concretizou. O prédio ainda resiste. Seu currículo de Arquiteto continua irrepreensível.

(por Chico Pascoal)

Um comentário:

PALAVRAS&POESIAS disse...

Muito bom Chico, legal te ver aqui.
Abraço meu.
Ana Mello.