segunda-feira, 6 de outubro de 2008

Desejos atendidos

Sabrina resolveu comprar uma sanduicheira. No caminho para o shopping center, deparou-se com uma feira de novidades para o lar e resolveu entrar. Foi para a seção de eletrodomésticos, pra ver se encontrava o que queria. Estranhou que estava meio vazio mesmo tendo entrada franca. Percebeu que todo mundo estava em torno de um grande estande roxo, de onde ouviam-se muitos aplausos e gritos de aprovação.
Chegou mais perto e viu um rapaz sentado num sofá, num ambiente que parecia com a sala de uma casa. Ele estava com uma espécie de coroa na cabeca e havia um robô parado num canto. O moço fechou os olhos e o robô saiu correndo, voltando com uma latinha de cerveja. Fechou de novo os olhos e a televisão ligou no canal de esportes. E a multidão de homens vibrava. O vendedor, todo orgulhoso, dizia que seu novo equipamento respondia a todos os desejos do dono.
Pra comprovar o que dizia, chamou Sabrina para testar o equipamento. Nervosa, sentou no sofá e tentou se concentrar em alguma coisa. Primeiro, recebeu um suco de laranja natural. Depois, se lembrou da sanduicheira e o robô saiu correndo até o estande ao lado. Mais relaxada, tentou não pensar em nada. Neste momento, a máquina foi até o vendedor, o ergueu no ar e colocou ele sentado do lado da moça, agora encabulada...

Um comentário:

Lili disse...

Hahahahahhaha... Amei o megahiperconto!!!
Rossana.